Comidinhas de família – salada de soja do Sr. Salviano

Meu pai nunca foi cozinheiro de todo dia, salvo às vezes em que minha mãe viajou e o deixou nessa incumbência. A praia dele sempre foi lavar a louça, mas houve um período da minha infância em que ele assumiu o preparo das saladas de domingo.

Lembro-me perfeitamente de chegar da igreja e encontrar uma travessa bonita, toda decorada sobre a mesa. Era uma espécie de hobbie escolher a receita e prepará-la e nós amávamos.

Entre as tantas saladas testadas, duas foram eleitas como preferidas e ganharam o título de saladas do Salviano, porque ele as preparava para os almoços de domingo na casa da vovó: salada de soja e salada de trigo.

Essa semana, folheando a cópia do caderno de receitas da minha mãe (sim, eu tirei cópia pensando em passar a limpo um dia, mas lá se vão 11 anos de casada e continuo consultando as cópias) encontrei a receita da salada de soja e resolvi incluir no cardápio.

É claro que o vovô foi convocado para o preparo afinal, a receita leva o nome dele.

Uhm… que delícia! Que gostinho de infância! Me vi na casa da vovó Hilda em Belo Horizonte, brincando com a primaiada e saboreando a saladinha…

Mas chega de história e vamos à receita pois é uma salada deliciosa e muito nutritiva.

image

Ingredientes

    • 1 xícara de soja em grãos;
    • 2 tomates grandes mais firmes;
    • 1 pimentão pequeno;
    • 1 cebola pequena;
    • 2 maçãs verdes grandes;
    • salsa;
    • 1 peito de frango desfiado;
    • 12 azeitonas verdes
    • 4 colheres sopa maionese
    • sal a gosto;
    • pimenta do reino a gosto;
    • azeite extra-virgem.

Preparo

Colocar a soja em água fervente por 5 minutos, escorrer e mergulhar imediatamente em água fria. Isso ajuda a tirar aquele gosto mais marcante da soja, semelhante ao de feijão verde cru e que faz com que muita gente não aprecie o grão.

Escorrer novamente e cozinhar na panela de pressão por cerca de 20 minutos após começar a chiar. Ela deve ficar ao dente.

Misturar com os demais ingredientes picados em cubinhos e temperar. Servir gelada.

Rendimento: 8 porções fartas.

Dica: para facilitar minha vida na cozinha, sempre que cozinho um frango inteiro eu desfio o peito e congelo. Assim posso usá-lo numa receita como essa sem ter tanto trabalho pra preparar.

Filipe aprovou a saladinha do vovô e nós amamos ver o vovô de volta na cozinha na hora do almoço!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s